Atrás de uma porta fechada…

No Twitter Messages.

Atrás de uma porta fechada…

Adicionar legenda
“A firma em questão é resultado do empenho pessoal do Dr. Pedro José Lomelino (1864-1930). (…)Decidiu desfazer-se da adega, entregando-a ao sobrinho, Artur Barros e Sousa, regressado do Brasil, que (…) deu sociedade a Edmundo Menezes Olim. A empresa é actualmente administrada pelos netos, Artur (…) e Edmundo (…).”

Vieira, Alberto, 2003, A Vinha e o Vinho na História da Madeira, Séculos XV a XX, CEHA, Secretaria Regional do Turismo e Cultura, Funchal, p. 455.

Já não é. A porta 109-111 da Rua dos Ferreiros está fechada. Lá dentro, tudo se mantém, igual, guardando a história de uma casa que se confunde com a história de uma família. Lá dentro, o mistério…

 

Acerca do Autor

GMProfessor do Ensino Básico, é licenciado em Ciências da Educação com uma pós graduação em Estudos Políticos e Sociais. Foi jornalista em vários órgãos de comunicação social regionais e nacionais. É autodidata em artes gráficas e desenho de páginas web.Ver todos os posts por GM →

Deixar resposta

SRTC | DRC | CEHA–Alberto Vieira | Madeira