D. Júlia regressa a casa

Ceha Casa 35

A D. Júlia regressou àquela que foi a sua casa. Olha para os recantos, deixando regressar o passado:
– aqui, era a saleta; fazia aqui a árvore de Natal…

memoria-recporte-julianunes1

(Excerto do texto de Alves Vieira)

Trouxe-nos lembranças de gente. Da sua casa – desta casa, aqui, na rua das Mercês, nº 8 – saiu gente para o mundo: o pai, que morreu na guerra, era inglês; teve irmãos na Alemanha, nos Estados Unidos…
memoria_julianunes_2
A D. Júlia viveu no Brasil durante 10 anos. Um país maravilhoso, com gente maravilhosa.
– Não se é estrangeiro, no Brasil.
Da nossa entrevista de ontem, ficou a certeza de que aquele país, no início dos anos 60, era um lugar de se viver…

ceha_casa_30

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Acerca do Autor

Graça AlvesLicenciada em Línguas e Literaturas Modernas, é professora do ensino Secundário e tem participado em diversos projetos literários. Está destacada no Centro de Estudos de História do Atlântico, onde tem desenvolvido trabalhos ligados à literatura e às histórias de vida.Ver todos os posts por Graça Alves →

Deixar resposta

You must be logged in to post a comment.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

SRTC | DRC | CEHA | Madeira

%d bloggers like this: