O Bomboteiro[ nas palavras de Carlos Fino]

o bomboteiro vem a bordo

traz a ilha nos dedos

 

só não sabe bem que memória varou o casco

e porque sobe agora as ladeiras com espuma nos olhos

só o outono invoca os dias longos dos paquetes

 

já não regressa

ginga os passos ao sabor das nuvens e sonha

o bomboteiro

 

FINO, Carlos, 1986, XXIII poemas de ilha mar, DRAC, p. 15.

Comentários

comentários

Acerca do Autor

GMProfessor do Ensino Básico, é licenciado em Ciências da Educação com uma pós graduação em Estudos Políticos e Sociais. Foi jornalista em vários órgãos de comunicação social regionais e nacionais. É autodidata em artes gráficas e desenho de páginas web.Ver todos os posts por GM →

Deixar uma resposta

SRTC | DRC | CEHA | Madeira