Newsletter 58: Venezuela…
Escritas femininas

Escritas femininas

Em maio, o Projeto Memórias… foi a Viana do Castelo participar num encontro sobre Escritas ...

Ler Mais

Newsletter 57: Eu tenho uma carta escrita
A Revolta da Madeira…

A Revolta da Madeira…

A instabilidade política nacional e o afrontamento entre os vários sectores políticos nacionais ...

Ler Mais

Os dias…

Os dias…

De Maria do Livramento: que vai à missa, que vai à costureira, que vai ao ténis, ao cinema, ao ...

Ler Mais

Sobre o amor e a distância

Sobre o amor e a distância

“parece-me bem que apesar de não termos inventado o Amor, a verdade é que sempre fomos um pouco ...

Ler Mais

Descobrir!

Memória das Gentes que fazem a História.

roma-fruto450x338Como [se fosse] uma romã

A romã é a Memória das gentes, das Mobilidades e da Autonomia. Una, coroada, é composta por uma multiplicidade de sementes que se guardam em bolsas individuais (histórias de vida), ligadas entre si, por uma membrana branca (documentos e registos) que as organiza.
Cada pessoa, com a sua história, com os retratos, os objetos e os documentos que foi guardando, ao longo da vida, contribui para esta Memória coletiva. A casca da romã transforma-se, então, num guarda-memória das memórias das gentes. Só então, a História fica completa, porque com gente dentro e com alma dentro da gente.
Ver


Memória: Um projeto com três dimensões

MEMÓRIA (das gentes que fazem a História) dá protagonismo ao indivíduo, enquanto agente do processo histórico. Preservar e transmitir valores e experiências, salvaguardando a memória individual e coletiva constitui a missão de fixar este registo nas páginas da História da Madeira.

Ver

9ilha-logo-250x250

NONA ILHA é o registo da diáspora dos madeirenses e dos porto-santenses. Estamos a reunir, registar e guardar histórias de vida, cartas, postais, fotografias, documentos. Da união entre os que partiram e os que ficaram é possível criar uma sociedade diferente, onde todos têm lugar.

Ver

autonomia_logo

Memória da AUTONOMIA regista e salvaguarda os testemunhos e as vivências dos madeirenses, de ontem e de hoje. Perpetuar essas vozes e anseios é um dever de todos. A História da Autonomia faz-se a cores, com pessoas, sentimentos, desejos e também desilusões.

Ver

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Por causa da invejidade…

ImagesTF3O6WOR

   É termo bem característico madeirense – a invejidade, significando a inveja mal reprimida, encapotada, que moe e ginga, repiza …

Ler Mais

…. uma exposição a não perder!!!!

WP 20151022 14 32 06 Pro

… e ontem o Projecto Memória das Gentes que Fazem História esteve na abertura da Exposição Documental e de Equipamento, …

Ler Mais

A família Loreto na Revista Mais

DI 25C3 2581RIO 2BDE 2BNOT 25C3 258DCIAS 2B18 2Bde 2BOutubro 2Bde 2B2015 00001

 Cartas no Intervalo da Guerra na Revista Mais do Diário de Notícias da Madeira 18 outubro 2015       …

Ler Mais

relembrando Sérgio Borges

….. tropeçamos há dias numa caixa de fotografias … e, de repente, reconhecemos algumas caras que animavam as noites da …

Ler Mais

Newsletter 35. Poios…

Memoria News 35

Imagem da ilha da Madeira, os poios são um traço definidor da paisagem agrícola. Esculpidos nas montanhas, desenhos [quase lineares] …

Ler Mais

longe mas perto …

um passeio de amigos algures nas serras da Madeira … a fotografia do grupo para mais tarde recordar … e …

Ler Mais

Futuro e Passado

José Camacho trouxe-nos memórias. A Venezuela era um lugar de se estar, um lugar de futuros, um lugar onde se …

Ler Mais

para mais tarde recordar ….

há momentos assim… que ficam para sempre guardados no aconchego do coração … porque sim … porque não podia ser …

Ler Mais

… o meu carocha …

O Domingo era dia de descanso … dia da família… dia de praia …  José Camacho pegava no seu carocha …

Ler Mais

vamos espreitar?

uma data…um chão de calhau rolado… uma porta entreaberta … uma casa…. uma família… uma história de vida …. uma …

Ler Mais